Colunistas Zé Maria Ulles
20/03/2019 Filme: A Sereia – Lago dos Mortos - nota 6,0

Filmes de terror tendo o lago como palco principal não é nenhuma novidade. No filme em questão, o trabalho do COLORISTA se destaca... As imagens são lindas!!!  A obra tem apenas 84 minutos de projeção mas parece ter muito mais... Os roteiristas Natalya Dubovaya, Ivan Kapitonov e Svyatoslav Podgayevskiy foram felizes em aumentar o campo de possibilidades diante de um enredo bem enxuto. Mastigando – Jovem enganada pelo namorado se depara com a traição do mesmo quando descobre que ele está se casando com outra. Atordoada pela situação, corre desesperada para o lago e acaba se afogando. Anos mais tarde, a beira do mesmo local, seu espirito seduz rapaz prestes a se casar. Diante da realidade, trava-se uma luta entre a sereia e a noiva do homem.
O diretor, Svyatoslav Podgayevskiy, conhecido por "A Noiva" (2017) - e que também assina o roteiro - fez um trabalho competente. O filme te assusta e tem dinâmica. Contudo, peca por algumas cenas bem manjadas. Isso coloca a fita em um espaço comum. "A Sereia - Lago dos Mortos" tem ótima fotografia. Anton Zenkovich assina. Muito boa a trilha sonora composta por Maxim Koshevarov e Aleksandr Maev. Muito bom o trabalho de Edição - passado e presente se entrelaçam constantemente. Anton Komrakov leva o crédito. No elenco: Efim Petrunin, Nikita Elenev, Viktoriya Agalakova e Igor Khripunov. Para a crítica norte americana o filme de terror russo foi um horror. Média 4.3 em 10.0.  Podgayevskiy deve ter algum problema com noivado, além da temática da obra em questão, ele já começou a rodar o "A Noiva 2". Se alguém tiver alguma objeção ao casamento é melhor se calar!!!

DEIXE UM COMENTÁRIO
COLUNISTA
Zé Maria Ulles
Quando menino, tinha o sonho de estudar Astronomia e fazer cinema. O tempo passou, e Zé se formou em Comunicação Social, História, Filosofia e Música.
ÚLTIMOS ARTIGOS