Colunistas Zé Maria Ulles
14/06/2019 Filme: Anos 90 - nota 4,0

A história comove mas o filme não decola. A primeira retrata uma sociedade juvenil sem perspectiva e a segunda revela uma falta de visão/perspicácia do diretor para contar o drama. Mastigando – Sem a menor percepção da mãe, menino é espancado constantemente pelo irmão mais velho. Com a falta de estrutura familiar, ele vai buscar - fora de casa - um aconchego social capaz de suprir a carência deixada pelos parentes. Acaba encontrando abrigo em um grupo de adolescentes desajustados. O diretor, Jonah Hill, faz sua estréia no cinema com "Anos 90", deixa claro, logo no inicio da fita, que a obra vai ficar no espaço comum. Carecendo de algo mais contundente do que, simplesmente, contar uma história. E a maioria das cenas vem com certa lentidão... A câmera na mão do diretor ficou muito descompromissada... Amadora!!! Hill também assina o roteiro. E o mesmo é apenas regular.  Não, por acaso, a fita tem somente 85 minutos de projeção. Regular, também, a fotografia de Christopher Blauvelt. Trabalho de edição regular. Nick Houy leva o crédito. Boa trilha sonora de Trend Reznor e Atticus Ross. No talentoso/promissor elenco: Sunny Suljic, Lucas Hedges, Katherine Waterston e Na-kal Smith. "Anos 90" faturou sete milhões de Dólares nas bilheterias. Para a crítica norte americana. Média 6.8 em 10.0. Você não sai do cinema com raiva de ter ido, mas "Anos 90" merecia melhor refino... 

DEIXE UM COMENTÁRIO
COLUNISTA
Zé Maria Ulles
Quando menino, tinha o sonho de estudar Astronomia e fazer cinema. O tempo passou, e Zé se formou em Comunicação Social, História, Filosofia e Música.
ÚLTIMOS ARTIGOS