Colunistas Zé Maria Ulles
15/11/2018 Filme: Os Invisíveis Nota 6,0

A temática de "Os Invisíveis" agrada!!! Mais de sete mil judeus permaneceram na cidade de Berlin durante a Segunda Guerra Mundial. Mas somente mil e quinhentos conseguiram sobreviver. A obra cinematográfica em questão aborda alguns destes sobreviventes. Ela segue a tradicional história já contada mil vezes no cinema - perseguição dos nazistas aos judeus, todavia, o filme retrata/enfatiza o apoio de parte da sociedade alemã aos alemães/judeus. Mastigando – Em 1941, jovens judeus moradores da capital Berlim são obrigados a se separar de seus pais devido ao aumento da perseguição hitlerista. As mulheres trabalham como empregadas domésticas enquanto os rapazes se viram em serviços obscuros. A fita tem uma levada documental. Os quatro personagens principais vão narrando os acontecimentos e a partir disso surgem dramatizações bem desenvolvidas pelo diretor Claus Räfle. Contudo, as narrativas são prolongadas tirando muito da emoção do expectador. Apesar deste corte no formato da obra, Räfle consegue passar para a tela a angustia dos sobreviventes. Boa fotografia de Jorg Widmer. A forma/narrativa entrelaçada - ao longo de toda película - amarra a edição. Que mostrou competência dentro deste modelo. Boa trilha sonora. Matthias Klein assina. O roteiro feito pelo diretor e Alejandra López é muito bem trabalhado. Segue a cronologia da 2?G.M. No elenco: Aaron Altaras, Andreas Schmidt, Max Mauff, Alice Dwyer e Ruby O. Free. A crítica norte americana deu média 7.1 em 10.0. O filme tem 110 minutos de projeção.

DEIXE UM COMENTÁRIO
COLUNISTA
Zé Maria Ulles
Quando menino, tinha o sonho de estudar Astronomia e fazer cinema. O tempo passou, e Zé se formou em Comunicação Social, História, Filosofia e Música.
ÚLTIMOS ARTIGOS
                  
evden eve nakliyat evden eve nakliyat fiyatları şehirlerarası evden eve nakliyat