Colunistas Zé Maria Ulles
24/12/2017 Filme: Os Últimos Jedi Nota 8,5

A saga “Guerra nas Estrelas” não é um fenômeno de público e arrecadação à toa. Em 1977, a obra foi distribuída como filme tipo “B” para espectadores e mercado secundário. Todavia, com o sucesso do filme original, a série virou ‘obra prima’ sendo cultuada pelo mercado econômico e pela onda pop. Completando 40 anos este ano, o oitavo capítulo, “Os Últimos Jedi”, traz de volta um de seus mais importantes personagens, Luke Skywalker, e com ele a FORÇA. Aliás, ela reaparece mais forte do que nunca!!! Mastigando – Representado pela Primeira Ordem, o lado negro da força continua caçando rebeldes liderados pela princesa Leia. Enquanto o extermínio não acontece, a mais nova integrante Jedi, Daisy Ridley, tenta convencer, o agora mestre, Luke Skywalker, a combater o mal. A parte técnica continua em alto nível, marca registrada da série!!! O diretor, Rian Johnson, repete o ótimo trabalho realizado em “Rogue One” de 2016 - história adjacente a saga “Guerra nas Estrelas”. Infelizmente, se Johnson foi competente na direção, no roteiro, ficou devendo... O roteiro é o lado negro do filme!!! Ele fica na mesma toada em boa parte da obra - tornando-se cansativo e pouco criativo (o que é um absurdo para uma saga portentosa de ideias). Todavia, quando o roteiro abre para novas perspectivas a plateia enlouquece. Literalmente!!! Outro furo do roteirista está no uso ‘exagerado’ de piadas. Dependendo da hora, elas cortam a dramaticidade da cena. Excelente fotografia de Steve Yedlin!!! No elenco: Mark Hamill, Carrie Fisher, Daisy Ridley, John Boyega e Adam Driver. Tempo de duração: 152 minutos. A crítica norte americana aprovou a obra. Média 8.5 em 10.0. Foram gastos 200 milhões de Dólares para fazer o filme. Em ‘cinco dias’ de exibição já faturou 450 milhões. Em “Os Últimos Jedi” o mito é referenciado como nunca... Não há outro que se aproxime dele. Luke Skywalker é o cara!!! Para os fás da série, a Disney já anunciou a continuação da saga após o nono capítulo. Serão realizados mais três filmes paralelos a história principal. 

DEIXE UM COMENTÁRIO
COLUNISTA
Zé Maria Ulles
Quando menino, tinha o sonho de estudar Astronomia e fazer cinema. O tempo passou, e Zé se formou em Comunicação Social, História, Filosofia e Música.
ÚLTIMOS ARTIGOS