Colunistas Zé Maria Ulles
16/02/2017 Filme: Sully – O Heroi do Rio Hudson Nota 8,0

Podem assistir sem medo!!! Com Tom Hanks de piloto e Clint Eastwood na direção não existe turbulência... Baseado em historia real ocorrida em 2009, o filme retrata o acidente com grande riqueza de detalhes e provoca - ao longo de seus 96 minutos de duração - grande tensão no expectador. Vários profissionais, envolvidos no episodio real, contracenam ao longo do filme. Mastigando – Avião da US Airways cai no rio Hudson com 155 passageiros minutos após decolar. Graças a destreza do piloto Sully, o voo 1549 acaba sem vitimas fatais, mas coloca em cheque a competência de seu comandante e co-piloto. No elenco: Tom Hanks, Aeron Eckhart e Laura Linney. Com belas tomadas, o diretor, Clint Eastwood, dá grande realidade as cenas, além de colocar o expectador dentro do avião, nas águas geladas do Hudson, no interior de um tribunal e dentro da cabeça do herói da historia. BARBARIDADE!!! Será Eastwood melhor atrás das câmeras do que a frente delas? O roteiro adaptado por Tood Komarnicki retrata a obra “Highest Duty: My Search for What Really Matters” do próprio piloto e co-piloto do voo. Apesar do belo trabalho, Tood poderia ter estendido mais uns 8 minutos ao filme... Alguns pontos deveriam ser melhor explorados. Os efeitos especiais são muito bem feitos. Mas na parte técnica, o que vale um Oscar é a edição. Fenomenal !!!! Ela explica o fato com idas e vindas ao longo da projeção. Blu Murray assina. A fotografia agrada muito!!! Gastaram 60 milhões de Dólares para fazer a película decolar e arrecadaram 238 nas bilheterias. No Brasil, o filme teve sua estreia atrasada por conta do acidente aeroviário que vitimou 71 pessoas - matando um time inteiro de futebol - e revelando a IGNORÂNCIA do piloto da empresa LaMia. Em “Sully - O Herói do Rio Hudson”, assistimos, não somente a uma bela obra cinematográfica, mas a sobrevivência da DIGNIDADE humana...

DEIXE UM COMENTÁRIO
COLUNISTA
Zé Maria Ulles
Quando menino, tinha o sonho de estudar Astronomia e fazer cinema. O tempo passou, e Zé se formou em Comunicação Social, História, Filosofia e Música.
ÚLTIMOS ARTIGOS