Colunistas Zé Maria Ulles
03/08/2017 Filme: Um Instante de Amor Nota 5,5

Baseado no livro de mesmo nome, lançado em 2010, pela escritora, Milena Agus, o filme demora uma eternidade para decolar... Aproximadamente 70% da fita!!! Os 30% finais são mágicos, mas a loucura já havia dominado a plateia. Mastigando – Durante a Segunda Guerra Mundial, família tradicional - moradora de pequeníssima cidade na Sardenha/Itália - tem filha problemática. Com distúrbios psicóticos e histéricos, a jovem é obrigada a sair de casa e se casar com homem matuto do vilarejo. Algum tempo depois, a protagonista é internada em clínica suíça para tratamento de cálculo renal. Lá, ela tenta retomar sua liberdade... A diretora, Nicole Garcia, caprichou na condução das cenas com os personagens. Os atores demonstram ter tido magistral entrega aos respectivos papeis. Contudo, o filme possui atmosfera exageradamente bucólica. Garcia pasteurizou em demasia... É um filme de arte com belos ingredientes técnicos, porém, descaracterizado de vida. Vida no mundo real com ação e pegada... A película tem 121 minutos de duração. A fotografia de Christophe Beaucarne vale o ingresso!!! Ele foi cirúrgico ao caracterizar fisionomias e paisagens. Muito boa a trilha sonora de Daniel Pemberton. O elenco esta fabuloso. Àlex Brendemühl faz excelente trabalho. A atriz, Marion Cotillard, tem feito belos papeis mas em “Um Instante de Amor”, ela está uma loucura. Foi além... Oscar nela!!! Se destacam ainda: Louis Garrel e Brigitte Roüan. Apesar de um roteiro rico, a diretora pecou na condução geral do filme. Que loucura!!!

DEIXE UM COMENTÁRIO
COLUNISTA
Zé Maria Ulles
Quando menino, tinha o sonho de estudar Astronomia e fazer cinema. O tempo passou, e Zé se formou em Comunicação Social, História, Filosofia e Música.
ÚLTIMOS ARTIGOS