Colunistas DEDO DE MOÇA
07/10/2019 Nossa colunista vai te atualizar , preparados ? !

DF paga danos morais a um morto


O Distrito Federal foi condenado ao pagamento de danos morais a um médico da Secretaria de Estado de Saúde que teve registro de óbito lançado, por equívoco, no sistema de recursos humanos da pasta. Parece história de filme, mas não é. O servidor contou que, por causa do erro, seu salário foi suspenso e ele não conseguiu arcar com algumas de suas despesas, o que provocou a inscrição de seu nome em cadastro de proteção ao crédito. Por essa o GDF não esperava...

 

Carros elétricos na cidade do futuro


Os carros elétricos estão chegando à capital do país! Na próxima semana o GDF vai lançar o projeto “Vem DF”, no qual serão entregues 12 veículos. O DF terá 35 pontos de recarga fabricados pela WEG. Eles serão gratuitos e de uso coletivo, ou seja, poderão ser utilizados por qualquer carro elétrico, de qualquer montadora. A iniciativa visa incentivar o uso desse meio de transporte por cidadãos em geral. O futuro chegou, cara!

 

 

Sílvio Santos topa tudo por dinheiro!


O operador financeiro Adir Assad, preso pela Lava Jato e depois delator, diz que lavou milhões de reais para o grupo Silvio Santos através de contratos fraudados de patrocínio esportivo. Sua delação ainda é mantida sob sigilo e as informações foram publicadas através dos vazamentos do site Intercept. A descoberta comprova que o patrão topa tudo por dinheiro. Seja abrir espaço para Bolsonaro e Moro na programação em troca de publicidade do governo ou lavar milhões de reais de origem desconhecida.

 

CLDF e os gastos nas alturas


Adivinhem só: a Câmara Legislativa do Distrito Federal ultrapassou o limite de alerta da Lei de Responsabilidade Fiscal. Alguns veículos estão falando por aí que os gastos com pessoal representam 93% do valor permitido, e estão próximos de atingir o limite prudencial, de 95%. O Tribunal de Contas já emitiu um aviso para segurar os gastos. Nos últimos 12 meses, os gastos subiram de R$ 33,2 milhões para R$ 35,3 milhões. Haja zeros para fechar a conta.

 

 

Para sair da política: L’eau de pepeca


Com o movimento crescente do feminismo e do empoderamento, a vagina tem sido cada vez mais exaltada entre as mulheres. É sério... E como prova disso, a marca brasileira Intensify Me, tem se destacado com uma fragrância corporal bem ousada: um produto inspirado na genitália feminina. O Spicy Vagina, como foi batizado, conta com notas de pimenta-preta, anis (anais?) estrelado, bergamota, cravo, canela, noz-moscada e figo – fruto escolhido intencionalmente pela semelhança de formato com o órgão sexual homenageado. O resultado é um aroma feminino, intrigante e “inspirado na beleza da vulva e seus mistérios”, de acordo com a marca. O que vai ter de homem interessado nisso aí...

DEIXE UM COMENTÁRIO
COLUNISTA
DEDO DE MOÇA
ÚLTIMOS ARTIGOS