Colunistas DEDO DE MOÇA
08/10/2019 Um bom dia do jeito que a gente gosta : BEM APIMENTADO !

Efeito Bolsonaro


No último domingo rolou eleição de Conselheiros Tutelares pelo Brasil inteiro. Dos bairros ricos aos bairros pobres, os colégios eleitorais lotaram. Muitos dizem que este é o “efeito Bolsonaro”, que disseminou em todas as redes a importância dessa eleição. Foi uma mobilização e tanto! Tiveram até campanhas para eleger conselheiros conservadores ou progressistas.

 

Folha é quase a ratazana do esgoto


Falando em presidente... Esta semana rolou uma polêmica envolvendo a Folha de São Paulo que, em um a publicação, um assessor do Ministro do Turismo envolveu a campanha de Jair Bolsonaro em caixa dois. Bolsonaro foi curto e grosso. “Com mentiras, já habituais, conseguiram descer às profundezas do esgoto”, disse. E tá errado?

 

Não confundam arte com política


Tudo bem que redes sociais são pessoais e a liberdade está aí pra isso... Mas nesses textões de facebook as pessoas estão exagerando. Por exemplo, o assessor do Bolsonaro usou o Twitter para atacar o filme Coringa, que está em cartaz sendo aclamado pelo público. O tal assessor chamou o palhaço, interpretado por Joaquin Phoenix, de “esquerdista” e “sem Deus”. Gente... Não confundam alhos com bugalhos,

 

Toma-lhe luz, DF!


Publicamos aqui na semana passada que o GDF vai lançar alguns veículos elétricos para compartilhamento, certo? Pois é. No evento de lançamento desse projeto incrível – diga-se de passagem – o governador Ibaneis Rocha afirmou que pretende isentar o IPVA por cinco anos para quem comprar o carro. Ele disse ainda que vem por aí uma nova parceria público-privada que prevê mais iluminação pública para o Distrito Federal. Segundo ele, a ideia sai ainda esse ano. Vamos aguardar ansiosamente!

 

 

Bikes do GDF jogadas às traças


Quando tem muita notícia boa sobre o DF, o santo desconfia! A vida de quem utiliza as bikes compartilhadas do programa da Secretaria de Transporte e Mobilidade não é fácil. Brasília está abarrotada de bicicletas sem freio, com pneus furados, estações sem sinal ou até mesmo desativadas. Em menos de um mês, houve uma redução de 47,5%. Vamos arrumar isso aí, pô!

DEIXE UM COMENTÁRIO
COLUNISTA
DEDO DE MOÇA
ÚLTIMOS ARTIGOS