Destaque Curiosidades
20/03/2017 Redação ‘É dos carecas que ELAS gostam mais’: descubra quais ‘características’ estão mais propensas à fazer parte deste time
Redação
Foto: Marcelo Theobald / Extra

Um maior risco de calvície prematura foi adicionado à lista de doenças e condições enfrentadas por homens baixos de ascendência europeia, segundo estudo. Um tamanho corporal reduzido e um início precoce da puberdade também estão ligados à perda de cabelo masculina.

— Parece que os homens com uma altura relativamente menor têm uma possibilidade mais elevada de perder seus cabelos. Nossos dados indicam que alguns dos genes envolvidos na calvície estão associados, em geral, com menor estatura — diz Stefanie Heilmann-Heimbach, da Universidade de Bonn, na Alemanha, autora principal do estudo.

O estudo indica que alguns dos mesmos genes que regulam a altura humana também parecem desempenhar um papel no surgimento dessas condições e doenças.

Publicado na revista “Nature Communications”, a pesquisa identificou 63 variações genéticas que aumentam o risco de perda prematura de cabelo. A pesquisadora acrescenta que os cientistas não se propuseram a encontrar uma ligação com a altura nem quantificaram o risco relativo de calvície associado com diferentes estaturas.

— Estudos futuros que avaliem a perda de cabelo e a altura do corpo podem ser capazes de responder a essa pergunta — afirma Stefanie.

Mas a ligação estatística é clara. Em homens de origem europeia, a calvície geralmente começa por volta dos 30 anos. Até 80% dos homens europeus são afetados em alguma medida.

A perda de cabelo em asiáticos chega cerca de uma década mais tarde. E com uma frequência geral muito menor, afetando de 50% a 60% dos homens.

Para Stefanie, algumas das variantes genéticas descobertas no estudo podem ser ainda alvos promissores para intervenções terapêuticas.

Confira dicas contra a calvície:

- Evite bonés: o uso frequente deste acessório pode deixar o couro cabeludo oleoso, sem respirar e provocar a perda de fios.

- Cuidado com gel: O ideal é que o gel seja sem álcool, para não ressecar os fios. E use sem exagero. Se o uso for frequente, lave a cabeça uma vez por semana com xampu antirresíduos.

- Acabe com a caspa: A descamação, associada a coceira, pode ser causada por vários distúrbios, como pele ressecada, dermatite e seborreia. Estresse, oleosidade no couro cabeludo e variações hormonais também podem agravar o problema da queda de cabelo.

 

Via: EXTRA

DEIXE UM COMENTÁRIO
TAGS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
                  
Vertical Veículos | Vertical Veículos | Vertical Veículos