Cultura Cinema
14/08/2017 Redação 50º Festival de Brasília do Cinema Brasileiro lança iniciativa para fortalecer o mercado audiovisual Ambiente de Mercado promoverá diálogo com produtores, programadores, agentes de vendas, distribuidores e exibidores

O 50° Festival de Brasília do Cinema Brasileiro se posiciona no cenário audiovisual brasileiro e internacional devido à sua importância histórica e constante capacidade de renovação. Em sua edição comemorativa, o FBCB abrirá espaços de discussão para ampliar o mercado ao cinema brasileiro por meio do Ambiente de Mercado. A iniciativa irá compor a programação oficial e será realizada de 20 a 23 de setembro. As inscrições vão até 28 de agosto no site do Festival. 

Segundo Ana Arruda, coordenadora do Ambiente de Mercado, Brasília é referência no quesito produção cinematográfica e a iniciativa vem para complementar o cenário com espaço para o debate e a profissionalização. “Nesta 50ª edição, o Festival de Brasília irá apontar novos caminhos do mercado audiovisual. É muito importante este espaço para potencializar o trabalho dos profissionais do audiovisual que estarão presentes na cidade durante o Festival e para fortalecer o mercado local”, explica Ana Arruda.

Ao longo de quatro dias serão realizadas diversas atividades relacionadas à distribuição e comercialização de conteúdos para TV, cinema, VOD, internet e novas mídias. A programação irá englobar “Conversas com Players”, “Pitchings Abertos”, “Painéis” e “Clínica de Projetos”. Neste primeiro momento, as inscrições serão focadas para a “Clínicas de Projetos” e para os “Pitchings Abertos”.

A “Clínica de Projetos” irá selecionar 12 projetos não finalizados, seja para cinema ou televisão. Quatro consultores irão oferecer atendimento pelas áreas: “Desenvolvimento de projeto e planejamento de produção”, “Planejamento de distribuição em múltiplas plataformas”, “Formatação de projeto para vendas nacionais e internacionais” e “Adequação do projeto para venda”. 

Enquanto os “Pitchings Abertos” irão fortalecer seis trabalhos inscritos, identificando afinidades e sugerindo estratégias a serem adotadas. Os selecionados terão cinco minutos para defesa oral dos projetos diante de uma banca de agentes de festivais de cinema, distribuidoras ou de canais de TV. Ao final de cada apresentação, a banca comentará os projetos, com indicação de caminhos aos realizadores, com direito à réplica do representante. Os projetos selecionados irão concorrer a prêmios de intercâmbio em eventos nacionais e internacionais de mercado para aprimoramento e ampliação de negócios e oportunidades. 

A iniciativa ainda terá dois eixos. “Conversa com Players” irá oferecer palestras onde será apresentado a linha editorial/curatorial da empresa, canal ou festival, demandas e formas de apresentação de conteúdos para aquisição. Os “Painéis” também irão integrar o Ambiente de Mercado com um conteúdo informativo sobre o setor audiovisual brasileiro. Serão apresentados por diversos players do mercado, autoridades do setor e profissionais de referências, tendo como foco temáticas relacionadas à comercialização e negociação de conteúdos audiovisuais, fomento e financiamento no setor audiovisual, coproduções e estratégias de distribuição, debates sobre os movimentos e tendências de mercado nacional e internacional. 

Enquanto os “Pitchings Abertos” irão apresentar seis trabalhos inscritos, identificando afinidades e sugerindo estratégias a serem adotadas. Os selecionados irão defender os projetos diante de uma banca de agentes de festivais de cinema, distribuidoras ou de canais de TV. Ao final de cada apresentação, a banca comentará os projetos, com indicação de caminhos aos realizadores e direito à réplica do representante. Esses projetos irão concorrer a prêmios de intercâmbio em eventos nacionais e internacionais de mercado para aprimoramento e ampliação de negócios e oportunidades. 

A iniciativa ainda terá dois eixos: a "Conversa com Players” irá oferecer palestras para apresentar a linha editorial/curatorial da empresa, canal ou festival, demandas e formas de apresentação de conteúdos para aquisição. Os “Painéis” também integrarão o Ambiente de Mercado com conteúdo informativo sobre o setor audiovisual brasileiro. Serão conduzidos por players do mercado, autoridades e profissionais de referência, tendo como foco temáticas relacionadas à comercialização e negociação de conteúdos audiovisuais, fomento e financiamento no setor, coproduções e estratégias de distribuição e debates sobre as tendências do mercado. 

Conheça os consultores que irão integrar a “Clínica de Projetos”: 

Planejamento de distribuição em múltiplas plataformas

  •          Rodrigo Terra

Pós-Graduado em Administração pela FGV. Especialista em Empreendedorismo pelo IBMEC-SP. Graduado em Rádio e TV pela FAAP-SP. Atual presidente da Associação Era Transmídia, tem realizado parcerias com instituições como SENAC, TECNA RS, BH Tec e Polo AV de Cataguases, Spcine, ABRESI, APRO, ABPITV, Power to the Pixel, Conductrr e SET. Conduziu projetos diversos em audiovisual e transmídia para TV Cultura-SP, Grupo TV1, Grupo Abril, Turner, TV Futura, Sky, Natura, Net, Tilibra e EduK. É sócio-diretor da Fazenda Urbana Digital, empresa focada em consultoria em vídeo e interatividade para entretenimento. Com experiência internacional, participou como palestrante, convidado, jurado e cobertura em festivais e feiras de negócios no Brasil e exterior. 

Desenvolvimento de projeto e planejamento de produção para TV

  •          Mariana Brasil

Trabalha há duas décadas no mercado de produção independente, sendo que há 9 anos atua na área de produções para TV. Desde 2012 é sócia da empresa Mari Brasil, que faz consultoria e ministra cursos em desenvolvimento de projetos para TV. Atendeu mais de 1000 alunos e produtores independentes em todo o Brasil. 

Adequação do projeto para venda

  •          Ana Paula Silva

Produtora executiva na Intro Pictures, trabalhou como gerente de conteúdo na Elo Company na área de aquisição, análise de conteúdo, projetos e estratégia de comercialização. Anteriormente, produziu pela Mosquito Project, as séries No Borders, Reis da Rua (terceira temporada), entre outros projetos. 

Formatação de projetos para vendas internacionais

  •          Rafael Sampaio

É diretor geral do BrLab, produtor e sócio fundador da Klaxon. Atua, desde 2001, como produtor e programador de mostras e festivais de cinema. Foi programador de cinema em diversos espaços culturais, tais como MIS (São Paulo), Cinemateca Brasileira e Cine Olido, além de ter produzido mostras e festivais como Jornada Brasileira de Cinema Silencioso, Mostra Cinema e Direitos Humanos na América do Sul, Festival de Cinema Latino-Americano de São Paulo, entre outros. Atua também como coordenador de cursos e plataformas para formação profissional como os Laboratórios de Desenvolvimento de Projetos do Prodav 4 (2013 e 2014), para diferentes tipologias (séries de ficção, séries de animação, séries documentais e longas de ficção e animação). 

Serviço

Festival de Brasília do Cinema Brasileiro – 50ª edição

Quando: 15 a 24 de setembro de 2017 

Ambiente de Mercado

Quando: 20 a 23 de setembro de 2017

DEIXE UM COMENTÁRIO
TAGS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
                  
AR YAPUANA | AR YAPUANA | Fármacia de Manipulação Gislaine | Pizza Á Bessa |