Lifestyle Moda
23/10/2017 Redação A história por trás da joia: Como surgiram os camafeus

As joias são repletas de significados. Sejam eles históricos ou apenas afetivos, esse valor agregado faz toda a diferença na hora de escolher uma peça. Os camafeus são uma das opções que possuem um sentido e peso especial ligado à fé, carinho e admiração. Segundo a história, a gravação de símbolos em pedras para serem usadas como selos e amuletos teve início no IV milênio antes de Cristo na Ásia Ocidental e seguiu ao longo dos séculos pelos egípcios, minóicos e micênicos. 

Para quem não conhece, os camafeus são gemas esculpidas para formar uma figura em baixo ou alto relevo. Eles eram usados tradicionalmente em broches e pingentes com formato de deuses, deusas e cenas mitológicas. “No período Romano eles também eram usados para representar membros ilustres e simbolizar poder”, afirma Cris Lemos, designer da CiS Joias. Hoje, a peça é utilizada como um adorno para compor produções modernas, clássicas e retrô, ao mesmo tempo. “Os camafeus são muito delicados e elegantes, e podem estar presentes em qualquer look, seja casual ou mais social. Para o dia a dia, ele pode ser acompanhado por outros colares, fazendo um mix. Já para eventos noturnos, a dica é usá-lo sozinho para dar destaque à peça”, sugere Cris, que criou uma linha de camafeus em pingentes com ouro e madre pérola.

 

DEIXE UM COMENTÁRIO
TAGS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS