Esporte Geral
05/09/2016 João Gabriel Rodrigues A volta do vôlei aos estádios Brasil leva multidão a estádios, e CBV quer fase da Liga na Arena da Baixada

No retorno do vôlei a estádios de futebol, multidões nas arquibancadas. Neste fim de semana, a seleção brasileira atraiu público maior que a média de público nas rodadas do Brasileirão e animou a Confederação Brasileira de Vôlei. Após as partidas na Arena da Baixada e no Mané Garrincha, Ricardo Trade, o Baca, diretor-executivo da entidade, revelou a intenção de realizar uma fase da Liga Mundial no estádio do Atlético-PR em 2017.

No sábado, na Arena da Baixada, foram 33.730 ingressos vendidos, com um público presente próximo a 40 mil pessoas. Antes, o Atlético-PR havia levado 33.270 pagantes para assistir ao jogo contra o Criciúma, pela Primeira Liga, em fevereiro. Pelo Brasileiro, o Furacão conseguiu colocar 25.379 pessoas na vitória por 2 a 0 contra o Corinthians, em agosto. A média de público da equipe paranaense dentro de casa é de 14.719 pessoas em 2016.

No Mané Garrincha, com capacidade para 72 mil pessoas, o amistoso contra Portugal também chegou a uma torcida de cerca de 40 mil pessoas. No total, foram 39.398 ingressos vendidos para a partida, mas com um público presente ainda maior. No Campeonato Brasileiro deste ano, apenas um jogo ultrapassou essa marca: a vitória do Palmeiras sobre o Flamengo, em junho, por 2 a 1.

DEIXE UM COMENTÁRIO
TAGS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
                  
Vertical Veículos | Vertical Veículos | Vertical Veículos