Cultura Cinema
18/10/2017 Redação Dulcina recebe cineclube feito por mulheres Projeto Cine Cleo trará, até agosto de 2018, sessões gratuitas com produções raras realizadas apenas por diretoras brasileiras
Esta semana Brasília vai receber mais um cineclube, isso mesmo. A novidade é que o propósito: enaltece a produção audiovisual de mulheres. Cada vez mais o cinema brasileiro mostra suas múltiplas vertentes e comprova que o Brasil tem, sim, temas ricos e cineastas de qualidade. As mulheres, nem sempre conhecidas e reconhecidas na história da sétima arte nacional, há tempos tentam mudar este cenário.
 
Cineastas famosas e também pouco conhecidas, veteranas e contemporâneas agora terão sua vez! Em um projeto lindo que veio à luz que parte do questionamento sobre o lugar da mulher no cinema brasileiro, diretoras, produtoras, pesquisadoras e artistas da capital federal uniram suas múltiplas experiências no mercado cinematográfico e na arte, em geral, para promover um cinema que colocará em foco as protagonistas do cinema do Brasil.
 
Esse projeto Cine Cleo estreia no dia 19 de outubro. Na sessão que terá início nesta quinta-feira, às 19h, na sala Conchita da Faculdade de Artes Dulcina de Moraes (Conic – Setor de Diversões Sul), serão exibidos os curtas-metragens Travessia (RJ), de Safira Moreira, e Abigail, de Valentina Homem e Isabel Penoni (PE). Ainda, o longa-metragem Aracati, de Julia de Simone e Aline Portugal (CE). O cineclube ocupará o Conchita quinzenalmente sempre às quintas-feiras, a partir das 19h, até agosto de 2018.

Já fiquei animada e vocês? Nesta primeira quinzena o tema será Tradições e Rupturas. A entrada é gratuita e dará oportunidade para o público conhecer produções raras, de todos os estados do Brasil, feitas exclusivamente por elas. As sessões serão sempre acompanhadas por debates ao final guiados por pesquisadoras do cinema do Distrito Federal que colocam os direitos das mulheres em pauta. 
 
Mais informações: (61) 4101-1828 / 1857.
 
O quê: Cine Cleo (Cineclube das mulheres);
 
Quando: Estreia dia 19 de outubro, às 19h. Em cartaz até agosto de 2018, sempre às quintas-feiras;
 
Onde: Sala Conchita da Faculdade de Artes Dulcina de Moraes – Conic (SDS);
 
Entrada Franca. Não recomendado para menores de 16 anos.
 
 
Via: Ela Fala dos Bastidores
DEIXE UM COMENTÁRIO
TAGS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS