Destaque Atuais
03/05/2019 Extra Globo Empresa americana procura estagiário para testar colchões enquanto dorme

Uma empresa de colchões em Houston, nos Estados Unidos, está procurando um "estagiário da soneca" para testar seus produtos enquanto dorme. A companhia pede que o candidato tenha "habilidade em cochilar, independentemente da hora do dia", e seja "apaixonado por sono e conforto". Esta é a segunda vez que essa oportunidade é oferecida.

 

 

Fazem parte das funções do "estagiário da soneca" testar camas enquanto dorme e preparar publicações para as redes sociais e o site da Mattress Firm, contanto como foi a experiência e dando dicas para uma boa noite de sono. O candidato deve ter mais de 18 anos e ter disponibilidade para começar a trabalhar já no início deste mês.

"O fascínio de ser pago para dormir no trabalho e a oportunidade de aprimorar as habilidades de mídia social tornaram esta posição muito procurada", disse Scott Thaler, diretor de marketing, em um comunicado, de acordo com o jornal "USA Today".

No canal da empresa no YouTube, é possível assistir aos trabalhos de outros estagiários que ocuparam o almejado cargo da soneca. Eles mostram como fazer a cama, escolher o travesseiro ideal e decorar fronhas, entre outras atividades.

 

 

Apesar do atraente posto repercutir positivamente nas redes sociais, os negócios da Mattress Firm não andam muito bem. A empresa entrou com pedido de falência em outubro de 2018 e planejava fechar até 700 lojas. Ela ainda possui cerca de 2,6 mil. No início deste mês, o CEO Steve Stagner renunciou ao cargo, que já tinha ocupado de 2010 a 2016 e retomado em março de 2018.

Em julho do ano passado, foi a vez de uma empresa portuguesa anunciar um posto semelhante. O funcionário deveria dormir oito horas por noite durante o mês de setembro de 2018 em Paços de Ferreira, na região do Porto, tendo como pagamento o valor de mil euros, cerca de R$ 4.500.

 
DEIXE UM COMENTÁRIO
TAGS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS