Cultura Lazer
04/09/2017 Redação FESTIVAL DE ORQUESTRAS POPULARES REÚNE INSTRUMENTISTAS NA CAIXA CULTURAL BRASÍLIA Segunda edição do projeto terá apresentações de grupos do Distrito Federal, São Paulo, Pernambuco e Bahia

A CAIXA Cultural Brasília recebe a segunda edição do Festival de Orquestras Populares, de 6 a 8 de setembro. A curadoria do maestro Fabiano Medeiros promove um intercâmbio musical trazendo grupos instrumentistas de várias partes do Distrito Federal e de estados como São Paulo, Pernambuco e Bahia. As apresentações serão na área externa da CAIXA Cultural Brasília, às 20h, e a entrada é franca.

O curador destaca que Brasília tem um forte cenário instrumental e essa edição do festival conseguiu reunir orquestras da região e de outras partes do Brasil. “Alguns grupos se destacam pela pesquisa e resgate da cultura popular e outras pelo virtuosismo de seus instrumentistas. A união desses grupos brasileiros vai promover uma grande troca de experiências”, explica Medeiros.

A programação tem um repertório expressivo na linguagem sonora instrumental e conta com maestros que são referência no Brasil e no exterior. A diversidade musical está presente no trabalho dos grupos brasilienses Orquestra de Cavaquinhos de Brasília (DF), Funqquestra (DF), Orquestra Popular Marafreboi (DF), Banda Sinfônica de Sobradinho (DF) e Banda Musical Arte Jovem (DF).

Essa edição do projeto traz ainda algumas orquestras renomadas de outros estados brasileiro. Grupos como Orquestra Popular do Recife (PE), Banda Mantiqueira (SP), Maestro Forró e Orquestra Popular da Bomba do Hemetério (PE) e Letieres Leite e Orkestra Rumpilezz (BA) vão emocionar o público com arranjos que resgatam a música popular brasileira em vários estilos musicais.

As crianças com deficiência auditiva e visual e os idosos também irão curtir uma apresentação especial da Orquestra Popular Marafreboi, com intérprete em libras e audiodescrição, no Teatro da CAIXA, dia 5 de setembro. No dia seguinte, 6 de setembro, das 9h às 12h, acontece a Roda de Saberes na Escola de Música de Brasília. Será um bate-papo aberto sobre a vivência musical com os maestros Letieres Leite, Fabiano Medeiros, Ademir Araujo, e Forró.

Sobre as orquestras 
Letieres Leite e Orkestra Rumpilezz (BA) – Com raízes rítmicas afro-baianas traduzidas na harmonização do jazz, o grupo foi criado em 2006 pelo instrumentista e compositor Letieres Leite. Completando 10 anos de trabalho, a orquestra é vencedora do Prêmio Bravo!, como Melhor Álbum Popular, e o Prêmio da Música Brasileira, nas categorias Revelação e Melhor Grupo Instrumental.

Orquestra de Cavaquinhos de Brasília (DF) - Idealizada pelo professor Dudu Oliveira, a orquestra possui um repertório com canções de mestres como Waldir Azevedo, Dori Caymmi, Astor Piazzolla, Heitor Villa Lobos e Ary Barroso.

Banda Sinfônica de Sobradinho (DF) - A banda surgiu em 1979 como fanfarra do Complexo Escolar A de Sobradinho (DF). O trabalho do maestro José Antônio da Silva Nascimento estendeu as atividades para a comunidade, transformando a fanfarra em banda. A orquestra ganhou o Prêmio Funarte de Apoio à Bandas de Música, em 2002 e 2014, foi diversas vezes campeã do Concurso Nacional de Bandas e campeã do Concurso Regional de Bandas do Distrito Federal

Funqquestra (DF) – A orquestra se destaca no cenário instrumental brasileiro apostando na mistura do Funk, Jazz, Pop e música brasileira. O grupo é formado por dois bateristas, um baixista, um tecladista, um guitarrista, um trompetista 2 dois saxofonistas. O repertório sofreinfluências de Black Rio, Funk Como Le Gusta, Lettuce, Snarky Puppy e SF Jazz Collective.

Orquestra Popular Marafreboi (DF) – Criada pelo maestro Fabiano Medeiros, a orquestra tem 19 músicos e cinco bailarinos e é formada com base na instrumentação de uma orquestra de sopros. Considerada uma das orquestras mais atuantes no ciclo carnavalesco de Brasília, o grupo vem fazendo várias apresentações em cidades como Rio de Janeiro, São Paulo e Recife e já recebeu convites para se apresentar na Argentina, Colômbia e França.

Banda Mantiqueira (SP) – A linguagem instrumental brasileira da banda, regida pelo clarinetista e saxofonista Nailor Proveta Azevedo, mantém o grupo há 25 anos na estrada. Com influencia de grandes nomes da música popular brasileira, o maestro passou a escrever arranjos para as composições de mestres como Pixinguinha, Cartola, Nelson Cavaquinho e Tom Jobim. Os integrantes da banda fazem parte das fichas técnicas dos mais importantes discos gravados por uma gama variada de artistas.

Maestro Forró e Orquestra Popular da Bomba do Hemetério (PE) – Com 15 anos de estrada, o grupo liderado pelo Maestro Forró traz para Brasília um show especial com um repertório que une os dois últimos discos autorais da orquestra, Jorrando Cultura e #CabeçaNoMundo.

Orquestra Popular do Recife (PE) - Com 42 anos de existência, a orquestra tem direção artística e musical do maestro e compositor Ademir Araújo e é considerada um dos mais importantes grupos pernambucanos. Pioneira na pesquisa e transcriação de gêneros tradicionais, o grupo destaca em suas apresentações os vários estilos de frevo, o maracatu, o coco, a ciranda, o reisado e o caboclinho. 

Programação 
Dia 6: Banda Sinfônica de Sobradinho (DF) 
Orquestra Popular do Recife (PE) 
Banda Mantiqueira (SP) 
Dia 7: Orquestra de Cavaquinhos de Brasília (DF) 
Funqquestra (DF) 
Maestro Forró e Orquestra Popular da Bomba do Hemetério (PE) 
Dia 8: Banda Musical Arte Jovem (DF) 
Orquestra Popular Marafreboi (DF) 
Letieres Leite e Orkestra Rumpilezz (BA)

Serviço 
Festival de Orquestras Populares 
Local: Área externa da CAIXA Cultural Brasília (SBS Quadra 4 Lotes 3/4) 
Dias: de 6 a 8 de setembro de 2017 
Horários: de quarta a sexta-feira, às 20h 
Classificação indicativa: livre para todos os públicos 
Duração: 180 minutos 
Entrada franca 
Informações: (61) 3206-9448 e (61) 3206-9449 
Patrocínio: CAIXA e Governo Federal 
Produção: Jaque Dias | jaque.tato@gmail.com | (61) 99988-9618

DEIXE UM COMENTÁRIO
TAGS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS