Lifestyle Celebridades
20/09/2018 Hugo Gloss Mais um! Drake processa mulher que alega ter sido estuprada e ter um filho dele
Hugo Gloss
Hugo Gloss

Mais uma polêmica sobre paternidade toma conta da vida de Drake. O cantor entrou com um processo contra Layla Lace, uma mulher que alega ter sido estuprada e que teria um filho do rapper. De acordo com o site TMZ, na ação, Drake afirma que não há provas de que ele seria o pai do bebê e nega ter violentado Layla.

No processo, ele conta que conheceu a mulher em 2017, durante a passagem da Boy Meets World Tour em Manchester, Inglaterra. De acordo com Drake, os dois passaram uma noite juntos e tudo o que aconteceu foi consensual, mas que ela teria ficado chateada por não ter sido levada com ele para o resto da turnê.

Drake também fala que, após essa noite, Layla teria mandado diversas mensagens e que ele chegou a responder algumas, mas que logo ficou sem “tempo ou energia para responder” e a ignorou. Para ele, a mulher teria criado um “relacionamento de fantasia”.

A história começa a esquentar quando, em abril de 2017, ela compartilhou uma imagem no Instagram com prints das conversas dos dois e um desabafo na legenda. “Então eu acho que a novidade é que depois que você diz a um cara que você está grávida, eles param de atender o telefone!!! Uma lição que eu aprendi em toda essa situação é que você nunca deve ser ingênua quando um cara desrespeita você“. Layla excluiu o perfil, mas a internet foi rápida e garantiu um print da publicação.

Além disso, ela também foi à rádio SiriusXM para informar a gravidez. Ao ser perguntada como ela tinha certeza de que o bebê era de Drake, Layla respondeu: “Eu sei com quem eu saio e quando me protejo. Eu tenho 100% de certeza. Ele sabe disso“.

 

Voltando ao processo, Drake relata que a mulher contratou uma advogada e exigiu dinheiro pela criança e por difamação, por conta de uma reportagem publicada pelo TMZ em que ele dizia que a situação nunca havia acontecido. O processo ainda alega que Layla se recusou a fazer um teste de paternidade. “Não há provas críveis de gravidez, nem de qualquer bebê, que teria nascido no outono passado“, disse Drake na acusação.

O astro ainda conta que, mudando de planos, ela teria ido às autoridades de Nova York e alegado que Drake a havia estuprado. Segundo ele, a mulher teria exigido milhões de dólares em troca de silêncio. Drake está processando Layla por extorsão civil, sofrimento emocional, fraude, difamação e abuso de processo.

 

Via: Hugo Gloss

DEIXE UM COMENTÁRIO
TAGS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
                  
beylikdüzü evden eve nakliyat sarıyer evden eve nakliyat ataköy evden eve nakliyat şişli evden eve nakliyat