Destaque Atuais
27/07/2020 Redação Patrimônio de bilionários brasileiros sobe R$ 177 bi na pandemia Levantamento realizado pela ONG Oxfam mostra que vida financeira de 42 mais ricos do país ficou ainda melhor na crise mundial
Redação
Redação

Se, para tanta gente, esse momento pelo qual passamos significa falta de grana, para alguns a vida continua sorrindo a valer. Afinal, segundo levantamento da ONG Oxfam publicado nesta segunda, 27, o patrimônio dos bilionários brasileiros cresceu R$ 177 bilhões (US$ 34 bilhões) na pandemia do novo coronavírus.

O patrimônio dos bilionários brasileiros não foi afetado pela tempestade do coronavírus; pelo contrário
Crédito: Reprodução/TwitterO patrimônio dos bilionários brasileiros não foi afetado pela tempestade do coronavírus; pelo contrário

De acordo com os dados compilados pela organização a partir da lista dos mais ricos da Forbes, o patrimônio dos 42 bilionários do Brasil saltou de cerca de R$ 629 bilhões (US$ 123,1 bilhões) para R$ 839,4 bilhões (US$ 157,1 bilhões) entre 18 de março e 12 de julho.

Oxfam analisou a variação das fortunas dos 73 bilionários da América Latina e do Caribe.

E concluiu que esses abastados ficaram US$ 48,2 bilhões mais ricos durante a pandemia, entre março e julho.

Esse aumento de patrimônio corresponde a um terço do total de recursos previstos em pacotes de fomento econômico adotados pelos países dessa região.

E teve gente que ficou bilionária justamente nesse período de crise.

 

O levantamento da ONG mostra que oito novos bilionários surgiram em meio à pandemia nos países da América Latina e do Caribe.

Em contrapartida, esses tempos de covid-19 deixaram 41 milhões de desempregados nesses mesmos países, de acordo com a OIT (Organização Internacional do Trabalho).

Nada que afete o patrimônio dos bilionários brasileiros, pelo que evidenciaram os números divulgados pela Oxfam.

DEIXE UM COMENTÁRIO
TAGS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
                  
AR YAPUANA | AR YAPUANA | Fármacia de Manipulação Gislaine | Pizza Á Bessa |