Destaque Mundo
00/00/0000 Por que os filmes adultos japoneses censuram a "parte boa"?

Mesmo quem não assiste pornografia com frequência com certeza já esbarrou com algum material. Seja um vídeo, uma imagem, uma propaganda… Os veículos são infinitos.

E caso esse material tenha sido japonês, você provavelmente percebeu um fato um tanto peculiar – as genitálias dos atores estão sempre censuradas. Essa é a regra número um pra se produzir conteúdo adulto por lá. E o porquê você entende logo abaixo!

Há muito tempo, a pornografia surgiu no Japão com o nome de Shunga. Os Shungas eram representações gráficas de… Bem, eram basicamente a pornografia da época. Desenhos, pinturas, esculturas… Os caras realmente tinham todo um culto por trás disso. Só que o governo da Era Meiji, como quem assistiu Samurai X sabe, era bem rígido.

\"2a\"

E foi aí que a proibição à pornografia começou a crescer cada vez mais, até que quaisquer imagens que “danificassem a moral pública” foram completamente banidas, em parte graças à inclusão dos valores Vitorianos vindos da Inglaterra na sociedade japonesa. Só que depois da derrota do Japão na Segunda Guerra, as autoridades americanas que ocuparam o país mudaram muitas leis – entre elas, deu a todos a liberdade de expressão.

Mas, infelizmente para muitos, decidiram manter as regras existentes para o conteúdo adulto. É claro que isso não impediu a produção – só dificultou, afinal, é instinto humano correr atrás do fruto proibido, né? E conforme a sociedade foi evoluindo, foram evoluindo também os modos de produção da indústria.

\"2b\"

Com a invenção do VHS, ficou mole espalhar o material por lá. E com isso, a indústria pornô do Japão começou a crescer em um ritmo absurdo. Só que com isso começaram a surgir filmes mais polêmicos – inclusive alguns com menores. E não entenda mal, quem era menor tinha o consentimento dos pais no papel para atuar em filmes assim!

Mas é claro que isso gerou um grande escândalo por lá. E o governo, como você já deve imaginar, bateu o martelo e proibiu tudo… Até que depois de uma majestosa briga judicial entre o governo e os fãs da sacanagem, eles decidiram liberar a pornografia, mas com duas condições que precisariam sempre ser respeitadas: o fim do uso de menores nas filmagens, mesmo com consentimento, e as conhecidas censuras nas genitálias.

Uma briga desse calibre por algo como liberdade pornográfica é sempre algo desopilante de se assistir. Como já dizia o sábio Dr. Cox – “Se tirassem toda a pornografia da Internet, só sobraria um site, e ele se chamaria ‘Tragam a Pornografia de volta’!”

E você, o que achou?

 
 
Fonte: Macaco Velho
DEIXE UM COMENTÁRIO
TAGS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
                  
AR YAPUANA | AR YAPUANA | Fármacia de Manipulação Gislaine | Pizza Á Bessa |