Cultura Lazer
15/02/2019 Tríplice comunicação SAIBA COMO POTENCIALIZAR OS EFEITOS DO PROTETOR SOLAR

É tempo de verão e muito sol no Brasil. Nesta época, as pessoas costumam passar mais tempo ao ar livre, em parques, piscinas e acabam esquecendo o protetor solar, item fundamental para a saúde sempre e não só durante a estação mais quente do ano. Cuidar da pele contra os danos causados pelos raios solares é uma atenção que devemos ter o ano todo, já que os raios UVA e UVB podem causar sintomas que vão desde vermelhidão, ardência, queimadura, descamação, fotoenvelhecimento até doenças graves, como câncer de pele.

Expor-se ao sol até as 10h e depois das 16h, e não negligenciar o protetor solar são algumas maneiras de se manter a pele saudável. Porém, para que essa proteção seja eficaz, é preciso usar um bom produto, com Fator de Proteção Solar (FPS) mínimo de 30 e observar alguns cuidados, como passar cerca de 20 minutos antes de sair ao sol e reaplicá-lo a cada duas horas ou depois de mergulhos no mar ou piscina, tendo o cuidado de primeiro secar a pele antes, já que a água pode diluir e, assim, diminuir a eficácia da fórmula.

A proteção solar da pele não deve ser dispensada nem mesmo nos dias mais nublados, uma vez que as nuvens não impedem a ação dos raios UVA. “Nesses momentos, como não sentimos tanto o calor, o risco da exposição acaba aumentando”, alerta a farmacêutica Aiessa Balest, da Farmacotécnica. A profissional chama atenção também para os cuidados com a pele das crianças, que devem ser redobrados. “A partir dos seis meses de idade, os pequenos já podem começar a usar o protetor solar. O ideal é usar fórmulas específicas, que sejam hipoalergênicas e ofereçam proteção contra os raios UVA e UVB”, afirma.

Os adultos também podem optar por formulações que respeitem as características da cor ou tipo de pele (oleosa, seca ou mista), uma boa alternativa aos produtos industrializados. ”Especialmente quem tem a pele mais oleosa, uma prescrição específica para rosto pode ajudar a evitar problemas como cravos, espinhas, poros e oleosidade. Para aqueles que já possuem manchas no rosto ou gostam do efeito ‘base’, os filtros solares com cor,  além de deixar a pele mais uniforme, protegem da luz visível, que é aquela luminosidade vinda dos computadores, televisão e lâmpadas fluorescentes”, explica Aiessa. 

Fotoprotetores orais também são excelentes aliados na defesa da pele contra os efeitos nocivos do sol, pois potencializam os resultados dos protetores solares tradicionais. O produto é disponibilizado em cápsulas ricas em substâncias antioxidantes, como o betacaroteno, Vitaminas E e C e Pycnogenol, que combatem os radicais livres e protegem o DNA das células de mutações e do impacto provocado pelos raios solares. “Vale ressaltar que esta proteção oral não substitui o filtro solar, mas potencializa seus efeitos, tornando o produto ainda mais ativo na proteção da pele”, afirma a farmacêutica.

Manter a pele bem hidratada todos os dias também é fundamental para que os ativos de proteção solar sejam absorvidos com mais facilidade. “A linha de produtos RLMT2 é uma boa escolha, pois oferece um hidratante corporal Multiprotetor Progressivo, enriquecido com ativos naturais que promovem hidratação intensiva da pele, proporcionando elasticidade e firmeza por mais tempo. Atua com um conceito de hidratação funcional, com duração de até 24h, comprovada em testes clínicos realizados em laboratórios”, sugere Aiessa Balest.

DEIXE UM COMENTÁRIO
TAGS
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
                  
Baladas Pepper | Pepper | Editoria Baladas Pepper